Banco Alimentar do Porto recebeu 300 toneladas de bens alimentares

300 toneladas. Foi esta a quantidade de bens alimentares doados ao Banco Alimentar (BA) Contra a Fome do Porto na Campanha de Recolha de Alimentos, que decorreu no fim de semana de 28 e 29 de maio. A iniciativa contou com o apoio de 3.000 voluntários, que foram distribuídos pelos 314 super e hipermercados do distrito do Porto e que ficaram, ainda, responsáveis pela recolha, separação e armazenamento dos produtos doados no armazém do BA do Porto, em Perafita. Entre os produtos mais angariados, destaque para as doações de arroz (73 toneladas), massa (64 toneladas), leite (63 toneladas), leguminosas em conserva (23 toneladas) e bolachas (17 toneladas), entre outros bens alimentares não perecíveis.

Para António Cândido da Silva, presidente do Banco Alimentar Contra a Fome do Porto, “neste momento particular que o mundo atravessa, e que se reflete diretamente no preço dos bens alimentares e de primeira necessidade, estes números mostram-nos, sem dúvida, que a comunidade mantém o espírito solidário e a enorme vontade de ajudar o próximo”. E acrescenta: “Em nome do Banco Alimentar do Porto, quero agradecer a todos aqueles que, uma vez mais, responderam positivamente ao nosso apelo e que, através da doação de bens alimentares ou do apoio através do trabalho voluntário, nos têm permitido continuar a ajudar quem mais precisa, especialmente nesta conjuntura, que, infelizmente, enfrentamos”. Recorde-se que o Banco Alimentar Contra a Fome do Porto apoia mais de 300 instituições, que prestam, por sua vez, ajuda a mais de 60 mil pessoas referenciadas.