Esquadra da PSP de Ermesinde pode encerrar. Comando e ministro questionados

Atualizada às 12h25m

Presidente da Junta João Morgado pediu reunião com Comandante do Comando Metropolitano do Porto da PSP.

Na sequência de rumores acerca do possível encerramento da Esquadra da PSP de Ermesinde, o Presidente da Câmara Municipal de Valongo, José Manuel Ribeiro, questionou o ministro da Administração Interna sobre este assunto. O JNR soube que também o presidente da Junta de Ermesinde, João Morgado, preocupado com os rumores, questionou a responsável do Comando Metropolitano do Porto da PSP, Superintendente Paula Peneda, pedindo uma reunião que acontecerá para a semana.

João Morgado disse ao JNR estar preocupado: “Sabe-se o que vai haver restruturação, não sabemos em que termos, Ermesinde é que não pode ficar prejudicada. Enviamos esta preocupação à Câmara, Assembleia Municipal, elementos do executivo da Junta de Ermesinde, entre outros”

“Somos frontalmente contra”, refere o presidente da Câmara José Manuel Ribeiro, no ofício remetido no dia 3 de novembro no qual refere que esta situação “está a gerar uma onda de preocupação na população da maior freguesia do nosso concelho relativamente à garantia de segurança pública”.

“Face à urgência de tranquilizar a população da cidade de Ermesinde, venho por este meio solicitar todos os esclarecimentos relativamente ao funcionamento atual e futuro desta esquadra”, apela José Manuel Ribeiro no ofício dirigido a Eduardo Cabrita.

Recorde-se que a cidade de Ermesinde tem 40.000 habitantes, população que tem vindo a aumentar. 

O JNR também sabe que na reunião com a Comandante Metropolitana do Porto da PSP, também estarão presentes o presidente da Junta e o presidente da Câmara.

Entretanto também o JNR questionou o Comando Metropolitano do Porto sobre a situação.