Homem constituído arguido por maus tratos a cães e PSP apreende 3 animais

No dia de ontem, quarta-feira dia 7 de abril, agentes do efetivo da Divisão de Investigação Criminal e da Brigada de Proteção Ambiental da PSP do Porto (BRIPA), acompanhados de elementos dos serviços veterinários da Câmara Municipal do Porto, deslocaram-se junto de uma residência na cidade do Porto, para cumprimento de mandado de busca domiciliária, por haver suspeita do cometimento do crime de maus tratos a animais de companhia.

Em cumprimento das diligências processuais, aqueles elementos procederam à identificação e constituição de arguido do suspeito em causa, assim como foi possível confirmar as más condições em que os animais (três canídeos) se encontravam pelo que foram apreendidos e entregues aos cuidados do centro de recolha oficial animal do Porto, onde permanecerão sob proteção até à conclusão dos trâmites processuais.