Detido na Maia após roubo por esticão, fica em prisão preventiva

O Comando Territorial do Porto da GNR, através do Posto Territorial da Maia, no dia 4 de setembro, sexta-feira, deteve um homem de 55 anos, por roubo por esticão e ofensa à integridade física com recurso a arma branca, no concelho da Maia.

Após terem tido conhecimento, mediante denúncia, de ter ocorrido um crime de roubo por esticão a uma mulher de 87 anos, seguido de um crime de ofensa à integridade física com recurso a arma branca a um homem de 34 anos, que tentou intervir na primeira situação, ambos na localidade de Moreira, na Maia, os militares da GNR encetaram diligências policiais, tendo conseguido no imediato deter o suspeito, a poucos metros do local.
Na sequência da abordagem e detenção do suspeito, após revista de segurança pessoal efetuada pelos militares, foi possível apreender a arma branca usada para os delitos e recuperar os objetos furtados à vítima de roubo por esticão, designadamente: Um telemóvel;  Uma carteira;  Diversos documentos e 60 euros, em dinheiro.
A vítima do crime de ofensa à integridade física com recurso a arma branca necessitou de tratamento hospitalar, tendo sido transportada para o Hospital de S. João, pelos Bombeiros Voluntários de Moreira.
O detido, sem antecedentes criminais, foi presente, ontem sábado, dia 5 de setembro, a primeiro interrogatório judicial ao Tribunal de Instrução Criminal do Porto, onde lhe foi aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Foto GNR Arquivo

Publicidade