Rui Marques – Unidos por Todos – Candidato à Junta de Valongo

No próximo dia 1 de Outubro não deixe que os outros decidam por si! A freguesia de Valongo merece mais e melhor. Confiança, exigência, rigor e transparência é o que posso prometer a todos, sem exceção. Os Valonguenses, de todos os lugares, de todas as Instituições, de todas as idades, de todos os estratos sociais podem contar com a Coligação Unidos por Todos. Podem contar comigo!
Já é tempo de a freguesia aumentar a sua qualidade de vida e ter o investimento onde realmente é necessário. Com a certeza de que todas as áreas são fundamentais para o crescimento da nossa cidade, podem contar com o meu empenho, rigor, exigência e transparência na gestão da Freguesia, juntamente com uma equipa coesa, de grande capacidade de trabalho e de confiança.
Conheço bem Valongo e sei o que é preciso para colocar a freguesia no rumo do crescimento. A cidade de Valongo tem cerca de 24 mil habitantes, tendo a Junta de Freguesia um orçamento anual de cerca de 1 milhão e 200 mil euros. É necessária uma gestão transparente, rigorosa e séria, pois o dinheiro é público, é de todos/as, e tem que ser gerido com competência. Isso não está a acontecer e o rumo tem de ser invertido. A Junta de Valongo não publica, desde março de 2015, os procedimentos concursais na plataforma www.base.gov.pt, como obriga a legislação em vigor. Comprometo-me a cumprir a lei e publicar todos os contratos realizados.
Há questões práticas que têm de ser resolvidas, de forma a precaver problemas futuros. Disso é exemplo o facto de o cemitério se encontrar no limite da sua capacidade. Proponho que se avance de imediato com o projeto de construção de um novo cemitério, sendo o lugar do Susão a localização mais indicada. No que se refere às respetivas taxas, irei propor a redução até 50 por cento.
A Junta de Freguesia, dentro das suas competências, deve exercer pressão sobre a Câmara Municipal e demais entidades de forma a responder às necessidades, como é o caso da mobilidade. A atual rede de transportes é insuficiente, havendo lugares na cidade, longe do centro, que não são servidos por qualquer transporte público. Quero corrigir esta lacuna. Para isso, proponho e pugnarei pela criação de um Serviço Municipal de Transportes que assegure a ligação dos diferentes lugares. Manteremos as vias, arruamentos, passeios e áreas ajardinadas em devido estado de conservação, reivindicando junto da Câmara Municipal a manutenção e arranjo dos equipamentos e infraestruturas.
Urge na freguesia a adoção de políticas de desenvolvimento sustentado. É incompreensível que a atual liderança não tenha sequer questionado a opção da Câmara Municipal ter aprovado a construção de mais um hipermercado no centro, quando, pelo contrário, Valongo necessita de consolidar a centralidade, por exemplo com a construção de um grande parque central, com zona ajardinada e parque infantil. Reivindicaremos junto da Câmara Municipal a requalificação de espaços municipais completamente abandonados, como o existente junto à autoestrada, paralelo à Avenida Oliveira Zina, criando espaços de lazer.
A cidade de Valongo possui condições de excelência para ter uma ciclovia que incentive e promova a prática de desporto. Proporemos, em parceria com a Câmara Municipal, a criação de uma ciclovia entre Valongo e Alfena, desde o Parque da Juventude, passando pela Avenida dos “Lagueirões”, pelo Susão e Quinta da Lousa. Criaremos um centro de marcha e corrida, prática física muito procurada e com larga tradição na freguesia.
A cidade de Valongo tem um potencial turístico enorme. Promoveremos as nossas Serras e reivindicaremos investimento na sinalização de percursos pedonais e velocipédicos e ainda a limpeza. Defenderemos também, junto do Município, a construção de um Complexo de Piscinas Descobertas.
Valongo tem fortes carências de equipamentos de apoio a idosos. Promoveremos medidas de apoio social, ampliando a oferta existente e dinamizando o atual Centro de Convívio. Defendo a dinamização de respostas sociais para apoio à população mais carenciada, melhorando a intervenção da Junta de Freguesia na Plataforma Social. Finalmente, a nossa aposta passará igualmente pela promoção de uma cultura de apoio e proximidade às Associações e Clubes da Freguesia. Todos são a nossa prioridade, estamos Unidos por Todos!