O nosso futuro nas nossas mãos.

Experiência da Semana Europeia da Juventude, 2021

Por Eniko Leskovics

A cada dois anos, ocorre uma série de eventos denominados Semana Europeia da Juventude. É uma oportunidade para os encontros de jovens e do setor da juventude na Europa que tem como objetivo promover um meio para os jovens expressarem as suas opiniões. É um momento para a discussão de questões e tópicos relevantes sobre oportunidades da UE, bem como para celebrar histórias de sucesso. A Semana Europeia da Juventude deste ano envolveu, no concelho de Valongo, os voluntários do Centro Social de Ermesinde e da Junta de Freguesia de Ermesinde, numa articulação com a Câmara Municipal de Valongo, para promover o Corpo Europeu de Solidariedade junto de cerca de 200 alunos das escolas do concelho.

A Semana Europeia da Juventude, deste ano envolveu 788 eventos em 30 países e com quase 130 000 participantes em toda a Europa. A maioria dos eventos é organizada pela rede Eurodesk, em articulação com as Agências Nacionais para o Erasmus+ e o Corpo Europeu de Solidariedade. No concelho de Valongo, um grupo de voluntários internacionais teve a missão de preparar uma apresentação sobre o Corpo Europeu de Solidariedade – o programa da UE para a Juventude que os trouxe a Portugal. É uma oportunidade valiosa para os jovens europeus viverem em um país diferente, enquanto trabalham para uma organização até a um período máximo de um ano. Desta forma, eles conseguem vivenciar uma cultura diferente, trabalhando por uma boa causa, em vários campos, como proteção do meio ambiente, educação e atividades culturais, em suma, crescer como pessoa e participar numa verdadeira aventura.

Durante a Semana Europeia da Juventude, os voluntários tiveram a oportunidade de conhecer muitos estudantes do concelho de Valongo, e tiveram experiências muito positivas conversando com eles. Ficaram felizes em receber todas as dúvidas dos alunos, mesmo com as eventuais barreiras linguísticas que surgiam porque nem todos os voluntários falam muito bem o português. Esperavam despertar o interesse dos jovens e motivá-los a fazer parte do Corpo Europeu de Solidariedade. Como diz o slogan da Semana Europeia da Juventude deste ano: “o nosso futuro está nas nossas mãos”, e o voluntariado é uma excelente forma de começar a trabalhar pelo nosso futuro e pela Europa.

O Parlamento Europeu adoptou este ano, os novos programas da UE para a Juventude para o período de 2021-2027. Isso inclui os novos programas Erasmus + e o Corpo Europeu de Solidariedade, com um orçamento recorde de 28 mil milhões de euros, ou seja quase o dobro da dotação financeira anterior. Este montante vai possibilitar a participação de cerca de 10 milhões de jovens e adultos nos próximos sete anos: alunos, formandos, professores e formadores; e que poderão adquirir experiência profissional ou acadêmica no exterior.

O programa Erasmus + começou inicialmente como uma plataforma de intercâmbio de estudantes em 1987, mas atualmente inclui uma grande variedade de oportunidades, não apenas para estudantes, mas para professores, estagiários e voluntários de todas as idades. A rede Erasmus oferece suporte a programas de educação, formação e desporto. Abrange 33 países, incluindo todos os 27 membros da UE, bem como a Turquia, a Macedônia do Norte, a Sérvia, a Noruega, a Islândia e o Liechtenstein. Nos últimos 30 anos, mais de nove milhões de pessoas aproveitaram as oportunidades do Erasmus e, com os novos programas adotados pelo Parlamento da UE, essa experiência estará aberta a muitos mais nos próximos sete anos.

Uma das prioridades do Parlamento Europeu em relação às oportunidades para os jovens é torná-las mais acessíveis e inclusivas. No futuro, toda comunidade poderá se beneficiar com estes programas, aproveitando as oportunidades de formação em línguas e  da mobilidade. O novo Erasmus+ também se concentrará mais nas transições digitais e verdes, e os seus objetivos são promover um estilo de vida saudável, bem como a aprendizagem ao longo da vida.

Para todos os interessados em participar em projetos de mobilidade internacional, consultar o Corpo Europeu de Solidariedade, ou Juventude em Ação Erasmus+, ou contactar o Eurodesk do Centro Social de Ermesinde.