Autarquia de Valongo compra frigoríficos para reforçar rede de apoio alimentar

A Câmara de Valongo vai adquirir equipamentos frigoríficos para reforçar a rede de apoio alimentar com produtos de frio e congelados. Os frigoríficos e arcas congeladoras implicam um investimento municipal superior a 5.000€ e serão cedidos temporariamente à Associação Viver Alfena, ao Centro Social e Paroquial Santo André de Sobrado e ao Núcleo de Ermesinde da Associação RE – FOOD 4 Good, para que tenham capacidade suficiente de armazenamento dos produtos necessários.

Segundo José Manuel Ribeiro, presidente da Câmara Municipal de Valongo, “esta medida vem complementar a poderosa resposta da rede de apoio constituída por 8 Instituições e 2 Juntas de Freguesia do concelho, que desde março de 2020 têm tido um trabalho inexcedível, com técnicos no terreno que identificam e encaminham as famílias para os diversos locais de apoio, garantindo que ninguém é deixado para trás”.

Tal como no resto do país, no concelho de Valongo a resposta aos problemas socioeconómicos provocados pela Covid-19 está a ser um desafio, verificando-se um acréscimo de pedidos de auxílio com um novo perfil de pessoas a necessitar de apoio, já que muitas perderam parte ou mesmo a totalidade dos seus rendimentos.

Os apoios do Banco Alimentar e de outras plataformas locais são complementados pela autarquia que financia diretamente a aquisição dos produtos frescos incluídos nos cabazes de alimentos distribuídos às famílias, bem como as refeições já confecionadas e entregues em instituições, no âmbito do Programa de Emergência Alimentar.

Além do apoio alimentar, o Município de Valongo também já reforçou o Fundo de Emergência para apoiar as famílias com dificuldades em pagar rendas, medicamentos e outras despesas básicas.