Covid 19: DGS corrige dados. Valongo, Maia e Gondomar descem. Paredes mantém.

Nos dados deste sábado da DGS, primeiro dia de verão, 20 de junho, no nosso país, nas últimas 24 horas, morreu mais uma pessoa e foram confirmados mais 377 casos de covid-19. Desde o início desta crise registaram-se 38 841 infetados, 24 906 recuperados (mais 429) e 1528 vítimas mortais no país.
Estes números são no entanto esquisitos, já em muitos concelhos o número baixou e em Cinfães, por exemplo agora só aparecem 9, quando no Lar da Santa Casa houve quase 70 infetados. A DGS não explica esta situação.


Mas, segundo a DGS, dos 377 novos casos, 282 foram registados na região de Lisboa e Vale do Tejo, 59 no Alentejo, 19 no Algarve, 11 na região Centro e seis no Norte (onde se registou o único óbito das últimas 24 horas, um homem na faixa etária entre os 70 e os 79 anos). Açores e Madeira continuam sem alteração.
Em relação ao boletim da véspera, mantém-se os mesmos 422 internados, havendo contudo mais três doentes de covid nos cuidados intensivos. São agora 70 nesta situação.
Por concelhos, Valongo desce para 756 casos, Gondomar baixa para 1081 (ontem eram 1093), Maia desceu de 950 para 928, Paredes mantém os 356 casos, Santo Tirso mantém os 403, Trofa desce para 143. Paços de Ferreira mantém os 315 casos.
O Porto desce para 1363 (ontem eram 1414), Vila Nova de Gaia subiu para os 1611, mais dois e Matosinhos desce para 1279 (ontem eram 1292).