Paredes apresentou pré-candidatura a Cidade Europeia do Desporto 2026 esta quinta-feira

Fotografia: CMP | @DR

Apresentação decorreu ontem em frente ao edifício da Câmara. O presidente diz que o Município tem “bases sólidas para continuar a promoção do desporto”.

A candidatura foi apresentada publicamente, no Parque José Guilherme, numa sessão realizada junto ao edifício da Câmara Municipal e presidida pelo presidente do Município, Alexandre Almeida, que sublinhou “a capacidade, a vontade e o mérito do município para acolher o selo de Cidade Europeia do Desporto 2026”. O autarca referiu, ainda, “estamos preparados e convictos de que a nossa candidatura tem bases sólidas para continuar a promoção do desporto para todos, quer pela nossa dinâmica desportiva desenvolvida no concelho, quer pela qualidade das instalações e equipamentos dedicados ao desporto, assim como pela disponibilidade de técnicos a acompanharem as atividades desportivas, bem como pelas nossas parcerias que muito valorizamos. É neste sentido global que «Paredes Vive o Desporto»”.

O presidente da Associação das Cidades Europeias do Desporto (ACES Portugal), Nuno Pedro Santos, adiantou que na próxima fase, em outubro, virá a Paredes “para o evento da candidatura, acompanhado da equipa de comissários para validar os diversos equipamentos municipais”. Nuno Santos referiu, ainda, que “Paredes reúne todas as condições e oferece garantias para ser cidade europeia do desporto. Paredes já é uma cidade do desporto”.

Na época 2023/2024 foram celebrados 161 Contratos Programa de Desenvolvimento Desportivo (CPDD).

A oferta desportiva em Paredes é assegurada através de 26 ginásios/academias e 51 clubes/associações e através dos programas e instalações desportivas municipais. No concelho existem 159 instalações desportivas, entre o domínio privado e público.

A autarquia dispõe de 103 instalações desportivas municipais, nomeadamente, 5 piscinas, 20 pavilhões, 3 campos de ténis, 4 campos de futebol, 57 polidesportivos, 13 salas de desporto e 1 ginásio municipal. 4 parques com circuito de manutenção e 1 piscina ao ar livre.

No concelho de Paredes, a modalidade mais praticada, do ponto de vista federado, é o futebol. Seguem-se as modalidades de karaté, andebol, ciclismo, hóquei em patins, patinagem artística, basquetebol, futsal, voleibol, triatlo/trail, pólo aquático, petanca, boccia, atletismo, golfe, basquetebol em cadeira de rodas, columbofilia, capoeira e xadrez.

Segundo o autarca, Paredes “vai continuar a investir na melhoria dos equipamentos de desporto, nas pessoas, na saúde e bem-estar dos cidadãos”.

Fotografias: CMP | @DR

Para a concretização da Cidade Europeia do Desporto 2026, o concelho antevê construir mais uma série de novos equipamentos e renovar instalações para que sejam mais sustentáveis para o meio ambiente e eficientes do ponto de vista energético.

Prevê-se, entre outros, a construção de quatro sintéticos em Rebordosa, Lordelo, Gandra e Recarei (Nun’Álvares). Para além dos sintéticos, o autarca anunciou “a construção do Estádio de Cete e do Estádio do Cristelo”.

Avançará, ainda, o Multiusos de Rebordosa com a obra prevista para o início de 2025. Os terrenos já foram adquiridos pelo Município. O projeto está a ser realizado pela Junta de Freguesia, no âmbito da Delegação de Competências.

De referir também que a autarquia de Paredes realizou, em março deste ano, um questionário de Índice da Prática Desportiva da População do Concelho de Paredes, em que a amostra de 484 respostas, aferiu-se que 73% da população inquirida declara que pratica ou realiza alguma atividade física e que 27% não faz nenhuma atividade física. Neste estudo verifica-se que das 84.354 pessoas habitantes no concelho, 16.744 são membros de um clube/associação, ou seja, 19.9% da população residente no concelho de Paredes está ligada à prática desportiva.

Estes resultados são a “consequência do trabalho do município que procura ser, cada vez mais, dinâmico, saudável e inclusivo. O desporto é visto como uma ferramenta essencial para melhorar a qualidade de vida, combater a obesidade, o sedentarismo e várias doenças. Além disso, desempenha um papel crucial na integração social, na ocupação do tempo livre e na redução do isolamento”, lê-se no documento que acompanha a candidatura.

Para a população sénior, o município dinamiza os seguintes programas: “Mais Vida Ativa”, “Walking Football”, “Boccia Sénior” e “Diabetes em Movimento”. Estes programas envolvem cerca de 850 seniores do concelho. Para a população em geral e descentralizada o município desenvolveu o programa “Paredes Ativo”, que “visa tornar a prática desportiva um hábito semanal na vida da comunidade Paredense, promovendo a saúde e o bem-estar da comunidade, através da atividade física regular para todos”.

Destaca-se, ainda, a Escola de Natação (Portugal a Nadar da FPN), que se destina a utentes, dos 6 meses aos 75 anos, e que visa o ensino da natação. Estes programas abrangem cerca de 2600 jovens do concelho. A Natação adaptada/atividade aquática, Boccia DI, Golfe, Ténis de Mesa, Futsal, Atletismo, Orientação e Ciclismo envolvem cerca de 300 atletas.

O Município de Paredes tem mais de 50 clubes e associações desportivas que promovem cerca de 20 modalidades federadas. Em 2023, a Câmara realizou mais de 700 eventos/jogos, focados no desporto informal e acessíveis à comunidade, apoiados de investimento municipal de cerca de 1,5 milhões de euros, uma fatia do orçamento destinada para a área do Desporto.

PUB

Seja o primeiro a comentar em "Paredes apresentou pré-candidatura a Cidade Europeia do Desporto 2026 esta quinta-feira"

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.


*


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.