Bombeiros portugueses acusam Governos de não cumprirem a lei e entregam reivindicações

Os Bombeiros Voluntários de Valongo e Ermesinde entregaram o devido documento à Câmara Municipal de Valongo e à Junta de Freguesia de Ermesinde.

Em Defesa dos Bombeiros e das Associações Humanitárias de Bombeiros, a Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) em conjunto com as diversas corporações espalhadas pelo país, estão a fazer
chegar um documento aos autarcas locais que evidência um conjunto de reivindicações dos Bombeiros Voluntários portugueses, em face da inexistência de respostas capazes por parte dos Governos da República.

No referido “abaixo-assinado”, os Bombeiros acusam os sucessivos Governos de falhar, há 17 anos, com o cumprimento da lei, pedem ainda financiamento para os fins das Associações Humanitárias e exigem a alteração da Diretiva Financeira 2024, nomeadamente a tabela remuneratória da administração pública.

Fotos: BVV | JF Ermesinde | @DR

Os Bombeiros Voluntários de Valongo (BBV) e de Ermesinde (BVE) fizeram chegar esse documento às mãos dos autarcas locais, esta quarta-feira. A vice-presidente da CM Valongo Ana Maria Rodrigues e o chefe de gabinete José Manuel Carvalho receberam-no por Bruno Oliveira, Comandante dos BVV e por Pedro Teixeira do Comando dos BVE. Já o presidente da Direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Ermesinde Jorge Videira e o 2.° Comandante Francisco Pereira, foram rececionados pelo presidente da JF de Ermesinde, Miguel de Oliveira.

PUB