Equipa de ciclismo de Sobrado (W52 FC Porto) favorita na Volta

Com quatro antigos vencedores na equipa que na quarta-feira vai partir de Setúbal, a Vintage Pódio, associação de ciclismo de Sobrado, Valongo, que corre com o nome dos patrocinadores W52 e FC Porto, será novamente o alvo a abater pelas restantes equipas, numa edição da Volta que deverá ser discutida pelas equipas lusas.

Vão representar a W52 FC Porto os seguintes sete ciclistas: Raul Alarcon (1), Ricardo Mestre (2), César Fonte (3), António Carvalho (4), Rui Vinhas (5), João Rodrigues (6) e Gustavo Veloso (7).

Os espanhóis Raúl Alarcón, que vai partir com o dorsal número um, por ter vencido em 2017, e Gustavo Veloso, vencedor em 2014 e 2015, são os nomes grandes dos ‘dragões’, que pode ter em António Carvalho, vencedor do Grande Prémio JN uma boa alternativa.

O favoritismo ‘azul e branco’ é reforçado pelo domínio das provas nacionais, com os triunfos de Alarcón no GP Nacional 2 e José Neves no Troféu Joaquim Agostinho, além da vitória de Carvalho no JN.

A experiente equipa comandada por Nuno Ribeiro conta ainda com dois antigos vencedores da Volta na equipa – Rui Vinhas (2016) e Ricardo Mestre (2011).

A partir de 1 de agosto, a festa do ciclismo volta às estradas, este ano sem passar no concelho de Valongo, devido a falta de apoios dos municípios vizinhos, apesar de que o de Valongo se dispôs a patrocinar uma meta volante.

A 80.ª edição da Volta a Portugal,  começa em Setúbal na quarta-feira dia 1 e termina a 12 de agosto (domingo) em Fafe