Valongo lidera autarquias participativas

O Município de Valongo vai presidir à Rede de Autarquias Participativas (RAP), a partir de 2 de janeiro de 2018. Além do Município de Valongo, a nova direção da RAP integra os Municípios de Braga (Vice-presidente), Guimarães (Vice-presidente), Cascais (Vogal) e Lagoa-Açores (Vogal).

“O reforço da democracia participativa é desde a primeira hora uma das nossas principais bandeiras. Por isso, é com muita honra que assumimos a Presidência da RAP. Vamos partilhar experiências e empenharmo-nos cada vez mais para envolver os cidadãos de todas as idades na gestão da coisa pública. Só com a promoção e a execução de boas práticas de cidadania será possível combater os populismos que ameaçam os sistemas democráticos à escala global e que podem degenerar em sistemas totalitários”, afirma o Presidente da Câmara Municipal de Valongo, José Manuel Ribeiro, que no anterior mandato assumiu uma das vice-presidências da RAP.

A Rede de Autarquias Participativas surgiu no âmbito do Projeto «Portugal Participa», integra cerca de 60 municípios de todo o país e pretende ser uma estrutura colaborativa que congrega todas as autarquias portuguesas comprometidas com o desenvolvimento de mecanismos de democracia participativa a nível local, designadamente os processos de orçamentos participativos.

A primeira reunião da nova direção da RAP está agendada para o dia 10 de janeiro, em Guimarães.

texto: GI CMV
Foto: Arquivo Rádio Terra Nova